UncategorizedProntuário Eletrônico

Prontuário Eletrônico como ferramenta competitiva para clínicas

Neste artigo, iremos falar sobre como o prontuário eletrônico tem se tornado uma ferramenta altamente competitiva entre as clínicas e como o seu negócio pode ganhar destaque entre seus pacientes.

Continue lendo este post para aproveitar todas as dicas.

Prontuário eletrônico como ferramenta competitiva

O prontuário eletrônico é o ambiente digital que tem a função de armazenar e centralizar todas as informações clínicas e administrativas ligadas ao histórico de saúde de um paciente.

Então, se você está à frente de uma clínica ou consultório que ainda não utiliza um prontuário eletrônico, certamente testemunhará tempos muito difíceis, uma vez que o prontuário de papel não será capaz de cumprir essa tarefa tão bem quanto as ferramentas digitais.

Uma clínica ou consultório que permanece com o prontuário de papel terá a abreviação do seu tempo no mercado determinada por um fator mercadológico: os seus concorrentes. Com o prontuário eletrônico incorporado de maneira natural aos seus processos, será muito mais eficiente em termos de atendimento, relacionamento e marketing do que você.

Pode parecer uma visão fatalista, mas é só ligar os pontos explicados abaixo.

O Prontuário Eletrônico do paciente agrega valor ao atendimento

O prontuário eletrônico é o documento por meio do qual o médico reúne todos os dados relevantes sobre o paciente, de forma sistematizada por um software.

Essa sistematização permite que esses dados possam ser usados no futuro para prestar um atendimento melhor e mais preciso, que será percebido pelo paciente em forma de profissionalismo e confiança.

Por sua vez, a falta desta sistematização não apenas acarreta num atendimento mais lento e trabalhoso, como também pode significar a perda do bem mais valioso de uma clínica: o paciente.

Imagine que após sair de uma consulta, um paciente leva consigo uma prescrição em papel. Por descuido, ele acaba perdendo a receita dada pelo médico que o atendeu. Ao ligar para a clínica tentando pedir uma cópia, infelizmente o médico diz que não é possível, pois aquela dada ao paciente era única.

Agora, reflita bem: que tipo de impressão o paciente vai ter a respeito de sua clínica, ainda que tenha sido um descuido dele?

No fim, o paciente pode acabar perdendo o interesse em retornar por achar a clínica um tanto quanto desorganizada, pois não foi capaz de prover aquilo que ele necessitava.

Lembre-se que um paciente marcado por uma experiência negativa posteriormente irá se sentir acolhido por qualquer clínica que mostre um pouco mais de profissionalismo e eficiência a respeito do prontuário eletrônico.

Prontuário eletrônico como uma inovação

A ferramenta, em sua totalidade, já auxilia centenas de clínicas a melhorar seus processos. O prontuário do Saúde Vianet, por sua vez, possui ferramentas completas que além de dar suporte a seu negócio, também te ajuda a desenvolver um melhor relacionamento com seu paciente.

O prontuário eletrônico produzido foi lapidado pelo Saúde Vianet até se tornar uma ferramenta que vai além da verificação do histórico de conduta médica e pode, também, ser utilizado na  estratégia de comunicação do profissional de saúde, sendo seu aliado no apoio ao tratamento do paciente.

Ou seja, as informações geradas pelo prontuário também podem ser utilizadas para o marketing e relacionamento médico-paciente.

Como transformar o prontuário eletrônico em estratégia de comunicação

Observe o seguinte exemplo: se foi registrada uma cirurgia de um paciente há dois dias, sua clínica pode criar uma regra automatizada que envie ao paciente uma mensagem via WhatsApp perguntando como ele se sente ou se possui dúvidas a respeito do pós-operatório.

A depender da resposta, a clínica pode adotar uma ação a respeito disso: ligar, responder com novas recomendações ou marcar um novo agendamento. Dessa forma, é possível criar o engajamento do paciente.

Através do prontuário eletrônico do Saúde Vianet, é possível criar “regras de relacionamento” que serão ativadas de acordo com o momento que a clínica desejar. Essa função pode ser utilizada para indicar o momento do paciente retornar para uma avaliação, lembrar de medicamentos ou uma orientação específica através da análise de dados no prontuário do paciente.

Por exemplo, quando um cardiologista receita uma medicação, normalmente orienta ao paciente que realize um novo agendamento 3 meses depois daquela consulta, trazendo novos exames a fim de avaliar o resultado.

Neste caso, o próprio sistema pode enviar uma mensagem ao paciente lembrando da realização dos exames e enviando um link para agendamento da consulta de retorno para avaliação.

Motivos para adotar o Prontuário Eletrônico

O que já foi abordado até o momento já é suficientemente forte para justificar a adoção do prontuário eletrônico.

Entretanto, há mais um fator pertinente a ser enfatizado: evitar a má caligrafia, que é um dos principais problemas de um prontuário escrito.

Médicos são famosos por prontuários rasurados.Como consequência, são comuns os casos de receitas não compreendidas por farmacêuticos.

Ou seja, estamos diante de um problema que passou a ser culturalmente tolerado pela sociedade em geral. Entretanto, não deixa de ser muito grave.

A má caligrafia pode comprometer a compreensão das informações e, consequentemente, a prescrição correta de tratamentos e medicamentos. A verdade, porém, é que essa característica, tão criticada na classe, é o resultado das condições de exercício da própria profissão.

Durante uma anamnese, o médico possui muito pouco tempo para anotar muitas informações sobre o paciente e, por isso, o aspecto estético acaba ficando em segundo plano.

Diante deste contexto, desenvolvemos soluções estratégicas que aceleram a digitação.

Para agilizar a escrita médica, o prontuário eletrônico do Saúde Vianet permite criar modelos de documentos que podem conter uma série de variáveis internas ao longo de um texto aberto. Essas variáveis são previamente determinadas e podem ser substituídas por diferentes tipos de dados.

Pode ser uma variável de conteúdo fixo, que busca a informação desejada no cadastro do paciente (por exemplo, o nome de um paciente ou a data de nascimento).

Uma variável de conteúdo dinâmico pode ser substituída por informações que estão em constante atualização (por exemplo, data da última consulta).

Também é possível atribuir um valor à variável no momento do preenchimento do documento (por exemplo, variáveis para peso, altura, etc.).

NA PRÁTICA, O QUE ISSO SIGNIFICA?

Primeiramente, que a digitação de uma receita, laudo médico, histórico de atendimento ou qualquer outro tipo de documento pode ser muito mais rápida. Além disso, é possível extrair informações com um desempenho muito superior do que a simples localização em um documento de texto aberto.

Ou seja, as informações preenchidas em forma de variável ficam armazenadas em nosso bancos de dados e podem ser lidas em poderosos relatórios que podem permitir uma análise mais aprofundada.

O prontuário eletrônico também agiliza o agendamento da primeira consulta. Se a sua clínica adotar o agendamento online, através do link de agendamento enviado ao paciente, ele pode preencher uma anamnese ou pré-cadastro, por exemplo, colhendo informações essenciais que irão diminuir o tempo do atendimento presencial ou online. 

Conheça mais do Saúde Vianet.

Baixe agora nosso aplicativo (Disponível para Android e IOS)

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.