Você sabe quais são as tendências para a área de saúde em 2022?

É sobre isso que vamos falar no artigo de hoje! O setor da saúde promete continuar com novidades este ano.

Aqueles que acreditam que as transformações digitais nesta área só foram provocadas pelo coronavírus estão muito enganados.

Antes disso, a Internet já estava sendo usada para aproximar os pacientes da saúde. Ainda mais, a tecnologia já estava lançando novidades e tendências na área médica, ano após ano, com o objetivo de acelerar processos e gerar mais resultados.

Entretanto, com a doença pandêmica, a transformação digital se acelerou, principalmente por causa da distância social. Tudo isso levou à adoção de diferentes medidas, como a opção de teleconsultas, para evitar a propagação da Covid-19.

Quais são as Tendências da Área da Saúde/Medicina para 2022?

Com pacientes cada vez mais ligados à Internet, estar presente no ambiente online não é uma alternativa e sim uma necessidade para as empresas da área da saúde

Entretanto, não basta estar presente na Internet, é preciso conhecer as tendências para estar à frente e oferecer exatamente o que o paciente está procurando.

Portanto, confira quais serão as tendências da medicina em 2022:

  • Telemedicina;
  • Atendimento híbrido;
  • Aumento da concorrência;
  • Atendimento através das redes sociais;
  • Pacientes mais exigentes.

Telemedicina

É bem provável que a regulamentação do uso de ferramentas de tele saúde venha a surgir. É essencial mencionar que estas ferramentas desempenharam um papel importante na luta contra a doença pandêmica. No Brasil, houve cerca de 2,5 milhões de teleconsultas e este modelo de atendimento deve continuar.

Os profissionais terão que aprender a utilizar essa nova estratégia. Deve-se notar que este processo não elimina as consultas presenciais, nem reduz o número de visitas presenciais. Essa estratégia tem a função de melhorar o atendimento.

Alguns planos de saúde e grandes instituições têm usado a Telemedicina já há algum tempo para acelerar e melhorar a qualidade do atendimento.

No setor da saúde, uma das organizações no Brasil que permite a conexão de pacientes com médicos, obteve um aumento em seu número de atendimentos em mais de 500 vezes no ano de 2020, o que mostra o sucesso da estratégia. Até 2023, a Telemedicina na América Latina pode alcançar até 3,5 bilhões de vidas, de acordo com previsões recentes.

Atendimento híbrido

Atendimento híbrido no setor da saúde é uma modalidade que mistura o atendimento presencial e digital. Seu objetivo principal é otimizar o atendimento ao paciente, aumentando as oportunidades de relacionamento com o médico de confiança.

Portanto, este processo oferece inúmeras vantagens para unidades de saúde e seus profissionais. Na prática, os serviços se tornam mais ágeis e objetivos, tornando possível planejar e marcar consultas de forma remota, conhecidas como teleconsultas.

Mas é claro, não há necessidade de abandonar o atendimento presencial, que pode ser solicitado se necessário e que também é essencial para manter a qualidade da relação médico-paciente.

Neste modelo, as possibilidades de atendimento remoto são acrescentadas às rotinas clássicas. Ou seja, as formas de acesso aos serviços de saúde são expandidas para o paciente.

Aumento da concorrência 

Não é só a reabertura das clínicas (que fecharam durante a pandemia) que irá aumentar a concorrência na área da saúde. A concorrência em provas de residência também aumentará no ano de 2022.

Isto se dará porque o número de vagas e faculdades de medicina aumentou consideravelmente e o de vagas de residência não. E não é só isso, mais de 80% dos indivíduos que estudam medicina desejam fazer residência.

Outros aspectos que contribuem para o crescimento da concorrência neste setor:

  • No ano de 2020 houveram atrasos em formaturas devido à Covid-19. Como resultado, algumas dessas classes tiveram sua formatura adiada para 2022.
  • Só em 2021, cerca de 11 mil médicos formados fora do Brasil fizeram o Revalida. O que levará a mais concorrentes com novas clinicas médicas.

Atendimento através das redes sociais

Na área da saúde, o atendimento personalizado faz toda a diferença nos consultórios/clínicas médicas, sobretudo para fidelizar os novos pacientes.

Por este motivo, um ponto fundamental para se destacar  é prestar o atendimento também através de redes sociais, como por exemplo o WhatsApp, para gerenciar suas consultas com mais praticidade. 

Isso oferece mais facilidade aos seus pacientes, que não precisam ir à sua clínica para marcar uma consulta, ou mesmo ficar minutos em uma chamada. O uso de mídias sociais e smartphones no atendimento oferece a possibilidade de atender mais de um paciente por vez.

Além disso, estes dispositivos se tornaram uma ferramenta de trabalho essencial na área da saúde. Como podem ser usados em qualquer lugar, eles permitem a realização de pesquisas, tirar fotografias para melhor diagnóstico e até mesmo o acesso a apps de gestão médica.

Pacientes mais exigentes 

Enquanto alguns pacientes estão tentando se tornar independentes dos consultórios médicos, há pessoas que estão conscientes de que as organizações de saúde são essenciais e valorizam a qualidade do serviço. 

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), há razões para esta mudança de comportamento no setor da saúde. Hoje, os pacientes compreendem seu papel, adquirem conhecimento suficiente para se envolverem com os médicos no cuidado de sua própria saúde. 

Desta forma, eles desenvolvem a capacidade de cuidar da própria saúde com mais autonomia. Para que a experiência do paciente seja mais agradável, é necessário estar atento às suas preferências.

De acordo com a pesquisa Healthcare 2030 publicado pela KPMG, há uma quantidade significativa de pessoas que valorizam a prevenção de patologias através de programas de bem estar, mas também há o público interessado em receber atendimento em casa. 

Conclusão

A Covid-19 causou profundas transformações não só no setor da saúde, mas também na forma como trabalhamos, nos relacionamos, cuidamos de nossa saúde e até mesmo na forma como consumimos diferentes serviços e produtos. 

Tudo isso obrigou as organizações a adaptarem seus processos à nova situação e a satisfazer as novas necessidades dos compradores.

Na área da saúde não foi muito diferente: consultórios, clínicas médicas, hospitais e laboratórios foram significativamente afetados pela doença pandêmica e tiveram que repensar suas táticas em relação à administração, relacionamento e atendimento aos pacientes.

Portanto, você precisa ficar por dentro das principais tendências da medicina, pois é importante abraçá-las e incorporá-las em suas estratégias. Seguindo as tendências e usando a tecnologia a seu favor, você chegará aos resultados que seus pacientes desejam.

Conheça mais do Saúde Vianet

Baixe agora nosso aplicativo (disponível para Android e IOS).

Saiba mais:

Programa 5S: Ferramenta que tem foco na qualidade dos processos

Prescrições: Como evitar erros e promover boas práticas

Telemedicina: dicas para uma consulta segura e efetiva