Inovação na medicina: tecnologia e os benefícios na saúde

A Internet das Coisas (IoT) tem se destacado positivamente no segmento médico e falar das tendências tecnológicas que estão presentes em consultórios, clínicas, hospitais e laboratórios sem mencionar este assunto é impossível. Por sinal, não faz tanto tempo assim que aconteceu a chegada dos itens, como os marcapassos cardíacos e os sensores ingeríveis, e eles já conseguiram mostrar que têm muito a oferecer para a área. 

Em relação às novas tecnologias disponíveis, além dos marcapassos cardíacos e os sensores ingeríveis, existem outras centenas de tecnologias que, por meio do cruzamento de dados, estão gerando inovação e interação entre os pacientes e as instituições médicas. 

Como forma de atualizar o conhecimento, apresentamos neste texto os benefícios de poder contar com este tipo de tecnologia e como eles têm trazido mudanças positivas para as instituições da área da saúde. Vamos  conferir?!

Sensores ingeríveis

Para iniciar, vamos falar dos sensores ingeríveis que são utilizados para o tratamento de doenças e já estão disponíveis há alguns anos. Eles são micro aparelhos que, após engolidos, possibilitam que médicos façam o monitoramento do nível de medicação à distância. Além deste procedimento, ainda existem ocasiões em que o processo pode ocorrer via Bluetooth e, com isso, o profissional realiza todo o acompanhamento do andamento pelo smartphone.

Com relação ao benefício deste tipo de IoT, a parte positiva é a possibilidade de monitoramento diário dos pacientes que, ao contar com esse acompanhamento, se sentem mais assistidos e apoiados para a conclusão do tratamento ao qual está sendo submetido. Além disso, para o profissional, fica mais fácil ter um controle maior nos métodos terapêuticos, caso seja detectado algum problema na dosagem dos medicamentos.

Detectar o câncer de mama 

Outra possibilidade dos microssensores é poder detectar padrões e uma das grandes apostas para os próximos anos são os ITBra, top vestíveis que identificam variações de temperatura na região dos seios. Até o momento, a funcionalidade desta tecnologia se restringe ao que foi desenvolvido pela Cyrcadia Health, e, que oferece soluções tecnológicas para detecção do câncer de mama.

O processo acontece enquanto a paciente usa o dispositivo como se vestisse um sutiã, o médico responsável pelo procedimento e acompanhamento recebe as informações corporais a um clique de distância, direto do smartphone. Dessa maneira, o quadro clínico pode ser identificado o quanto antes, de forma não invasiva e com bom custo. Outro detalhe importante, é que o monitor de seios se apresenta como uma boa alternativa para quem precisa realizar exames na região mensalmente.

Um dos exemplos mais populares de tecnologias vestíveis são os smartwatches, também chamados de relógios inteligentes, que monitoram batimentos cardíacos. Entretanto, também podem existir pulseiras, anéis, peças de roupa, capacetes, óculos entre outros formatos.

Importante no combate de infecções hospitalares

Um relatório de 2018 da OMS, em parceria com o Banco Mundial e ODCE, concluiu que, em países de alta renda, 7% dos pacientes internados adquiriram alguma infecção durante sua estadia hospitalar. Por este motivo, empresas têm aliado os avanços da Internet das Coisas à vontade de melhorar tal cenário na saúde. 

No Brasil, a Logicalis é responsável pelo chamado Clear Hands, sistema que monitora em tempo real a higienização dos profissionais que circulam pelos ambientes. Neste caso, tudo é registrado por totens de álcool gel equipados com sensores, que identificam quem está ou não com as mãos higienizadas. 

Outro exemplo importante no combate às infecções é o robô Laura, que lê informações dos pacientes com riscos de infecção generalizada e envia alertas à equipe hospitalar a cada 3,8 segundos. O robô, criado por um curitibano, já auxiliou mais de nove mil pessoas em todo o Brasil. 

Conheça mais do Saúde Vianet.

Baixe agora nosso aplicativo (Disponível para Android e IOS)

 

Saiba Mais:

Telemedicina: saiba mais sobre a ferramenta que tem sido uma grande aliada na saúde

Saiba quais são os benefícios de utilizar um software de gestão médica.

Como fidelizar pacientes: 6 estratégias simples e importantes para o seu negócio.

Conheça quais são os benefícios de usar o Marketing Médico.