Marketing em saúde: Cinco formas de manter presença nas redes sociais

O uso de redes sociais se tornou onipresente na vida contemporânea, de modo que a cada dia borram-se mais os limites entre a “vida real” e o “mundo real”. Além de ser um ambiente de convivência, consumo de informação e entretenimento, a internet tornou-se espaço de marketing por excelência – levando até mesmo ao surgimento de uma nova profissão, os influenciadores digitais – tendo nas redes sua expressão mais dinâmica e próxima do seu público-alvo. 

Diferente do site, que funciona como um cartão de visitas mais estático de um empreendimento, nas redes sociais a interação é feita diretamente e muitas vezes em tempo real com seu público. Baseados em dados dos usuários, os algoritmos de cada plataforma especializam-se cada vez mais nas preferências individuais e podem ampliar o alcance da mensagem, de forma que ela chegue a uma quantidade e variedade cada vez maior de pessoas. 

Ter presença efetiva nas redes sociais, porém, vai muito além de ter um perfil e publicar com certa periodicidade. Conheça cinco dicas para construir presença real nas redes e explorar o potencial dessas ferramentas no marketing em saúde.

Identidade

Em meio a milhões de perfis do mesmo nicho, é preciso estabelecer sua marca pessoal para atrair e, principalmente, manter uma audiência em um perfil de qualquer rede social. Tanto no caso de um perfil profissional de pessoa física, quanto na página de uma clínica, é importante delimitar o foco principal, que vai nortear o conteúdo. Trata-se de uma maternidade voltada para parto humanizado? Um perfil de um dentista especializado em reabilitação oral? Um consultório de nutrição voltado à performance esportiva? Deixe sua mensagem e valores explícitos, o que irá promover conexão e, consequentemente, engajamento. 

Retroalimentação

Para construir presença no ambiente virtual de forma sólida, não é necessário somente obter engajamento do público, que se expressa na forma de visitas ao perfil, curtidas – os icônicos likes – comentários, conteúdo salvo ou compartilhamentos. Responder às interações é importante para criar e manter vínculos, com nível de formalidade compatível com a imagem que o profissional deseja construir na rede social, mas sempre de forma respeitosa e compatível com as especificidades do marketing em saúde. Mensurar as interações também auxilia no entendimento de quais conteúdos e formatos geram maior participação e reações positivas do público, o que orienta o caminho que devem seguir as futuras publicações.

Autoridade

Construir autoridade sobre determinado assunto pode ser realizado em qualquer área profissional, porém a área da saúde oferece uma vantagem por envolver temas que exigem respaldo técnico para serem abordados. Neste sentido, usar seu espaço para trazer informações ou discussões relevantes dentro de sua área de atuação pode ser uma boa forma de se posicionar e até mesmo atrair pacientes. Use linguagem clara, acessível e sem jargões técnicos para plena compreensão da mensagem. Teor ou tom sensacionalista, além de não ser permitido, destroem a credibilidade, bem como disseminação de fatos inverídicos (“fake news”).

Pessoalidade

Explore as possibilidades multimídia das redes sociais: conteúdos educativos e debates podem ser transmitidos em diversos formatos. Vídeos estão em alta, e podem ter a presença direta do profissional (ou de algum dos profissionais que trabalhem em uma clínica), reforçando a identidade, tornando a publicação menos “fria” e criando laços com o público. Atenção ao visual: vestimentas, ambiente, iluminação e gestual também fazem parte da mensagem que é passada. O uso de um tom mais natural e próximo da personalidade do profissional pode gerar maior aproximação, mas cabe atenção ao nível de exposição de aspectos pessoais.

Frequência

A frequência com que conteúdos de sua página aparecem para a audiência também impacta no nível de engajamento e no quanto o perfil será lembrado por seus seguidores. Considere que o tempo virtual é mais rápido e que publicações muito espaçadas podem inclusive ser entregues com menor alcance em algumas plataformas. Estabeleça, no entanto, um equilíbrio entre o ritmo exigido pelos algoritmos e suas obrigações profissionais – caso necessário, a terceirização da gestão de redes sociais pode ser a solução adequada para seu empreendimento.

Conheça mais do Saúde Vianet.

Baixe agora nosso aplicativo (Disponível para Android e IOS).

 

Saiba Mais:

Marketing de Relacionamento para clínicas 

LGPD: 7 passos para garantir Segurança de Dados dos pacientes

Saiba quais são os benefícios de utilizar um software de gestão médica

Como fidelizar pacientes: 6 estratégias simples e importantes para o seu negócio